Desenvolvimento Humano Pleno

por uma Vida Significativa

Caio, prazer.

Há 15 anos comecei a me dedicar à pesquisa sobre o desenvolvimento humano. Tenho plena confiança na humanidade e no nosso potencial. Posso resumir o objetivo do meu trabalho em desenvolver paz, sensibilidade e felicidade autêntica.

Para isso parto de alguns princípios, começando pela importância de entender o mundo interior – a experiência subjetiva de cada ser -, passando por um entendimento complexo da realidade e a aprendizagem de um ponto de vista transdisciplinar.

Atualmente desenvolvemos uma pequena parte do nosso potencial, o que, entre muitos outros fatores, deve-se pelo que chamo de “O Grande Vazio”, esta sensação de que “falta algo” e “não sei quem sou”, uma grande carência afetiva que nos assola a todos e tentamos preencher das maneiras mais diversas possível, mas muitas vezes sem êxito.

Ao longo da nossa longa história como espécie diferentes mazelas sociais e pessoais são parte da experiência de vida, mas acredito na evolução coletiva da consciência como um processo contínuo e dependente do nosso esforço, que nos levará a uma humanidade mais fraterna, cooperativa, pacífica e amorosa.

“Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana”

– Carl Gustav Jung

Formação em Psicologia do Desenvolvimento Humano

Esta formação aborda as principais etapas de desenvolvimento mental e emocional do ser humano com uma perspectiva transdisciplinar, tendo em consideração as mais recentes descobertas não apenas da psicologia, mas de outras áreas do conhecimento como a antropologia, sociologia e biologia.

Seu objetivo é não apenas informar, mas transitar pela história pessoal de cada um para entendermos melhor quem somos e qual o nosso propósito de vida. Espero, assim, oferecer conhecimentos e ferramentas que auxiliem no bem-estar, saúde e no encontro da felicidade autêntica individual e coletiva, uma vez que a maneira como sentimos e atuamos na vida afeta a toda a sociedade.

Foto de Jess Vide

Consultas

A consulta é um espaço seguro de intimidade onde conversamos sobre os temas mais profundos da vida, que muitas vezes não encontram outros espaços para expressar-se. É um momento reflexivo, sensível e de autocuidado, onde dedicaremos nossa atenção a identificar e entender tudo que você sente como desequilibrado e que gostaria de mudar. Juntos, traçaremos caminhos possíveis para proporcionar mudanças na realidade objetiva e subjetiva, na maneira de ver, sentir e atuar no mundo.

Foto de Jess Vide

Princípios

1. Sentido

É muito importante que a experiência de vida seja dotada de sentido, que possamos desfrutar desta sensação de pertencimento, de ser, fazer e estar.

2. Propósito

Saber como direcionar minhas ações e pensamentos apazigua o corpo, diminui o estresse e facilita a tomada de decisões em função de um bem maior e claro.

3. Sensibilidade

Consigo mesmo e com os demais, ser sensível ao mundo interior, a tudo que é real, mas nem sempre palpável; aos sentimentos, sonhos e dificuldades.

Últimos Artigos

Espero que desfrutem da leitura

Bem-estar e Resiliência de Crianças em meio à Pandemia do Covid-19

Bem-estar e Resiliência de Crianças em meio à Pandemia do Covid-19

Na China, estipula-se que o confinamento em casa de 220 milhões de crianças e adolescentes provocará impactos psicológicos pela vivência de estressores como medo de infecção, falta de contato pessoal com colegas, amigos e professores, falta de espaço pessoal em casa e a perda financeira da família. Estima-se, assim, que os impactos psicológicos terão um efeito direto na saúde e bem-estar infantil.

ler mais

O sentimento na aprendizagem

Aprender é um ato natural. Estamos aprendendo o tempo todo, todo o tempo, sempre que um dos nossos sentidos é estimulado. Quando nascemos aprendemos principalmente dos estímulos externos: do que vemos, ouvimos, tocamos... Com o tempo, nosso próprio pensamento nos gera...

ler mais

8 de Março

Trabalho escutando pessoas. Já escutei de tudo sobre o dia de hoje. Que deve ser celebrado, que não deve, que existe uma maneira certa de celebrá-lo, que é indiferente.
Respeitando a diversidade de opiniões acredito ser sempre positivo refletir sobre conquistas da sociedade em direção à igualdade, liberdade e fraternidade, ideais que na França do século XVIII pareciam revolucionários, que hoje parecem óbvios, mas que estamos longe, bem longe, de praticar como sociedade.

ler mais

Você julga o seu passado?

Primeiro, a mente humana não está feita para julgar um semelhante, muito menos a si mesma. Com as experiências nós construímos a percepção e avaliamos as consequências externas e internas de nossas atitudes e escolhas, para assim continuarmos crescendo e tendo uma...

ler mais

O mito da personalidade única

Grande parte da vida é um mistério, mas brincamos de investigar, e nesta brincadeira do conhecimento inventamos caminhos de percepção para nos ajudar a entender a nós mesmos e ao outro. Quem somos e por que estamos aqui são reflexões que existem desde que o neocórtex...

ler mais

Colaborações

Algumas empresas, projetos e iniciativas com os quais tive o prazer de colaborar

Contato

Será um prazer responder suas dúvidas, comentários e propostas de colaboração.